Category

Notícias

Category

O Sindicato dos Servidores do Ministério Público do Estado de Santa Catarina, fez uma pesquisa online com os seus servidores, visando entender os efeitos que o trabalho remoto, em tempos de pandemia, têm produzido no cotidiano do servidor Público.

Está disponível aqui resultado preliminar da pesquisa.

De maneira geral os dados revelaram que 73,4% dos servidores perceberam de que houve um aumento de produtividade no seu trabalho nesse período. Somente 8,6% entenderam que a produtividade diminuiu enquanto 18% ficaram neutros, ou seja, não perceberam aumento ou diminuição na produtividade.

Em relação à satisfação com o trabalho remoto, 81,6% dos servidores atribuíram notas 8, 9 ou 10 em uma escala que vai de 01 a 10, ou seja, há uma grande satisfação com a experiência do trabalho remoto. Ainda 8,3% dos servidores atribuíram notas de 6 e 7. Somente 5,4% dos servidores estão insatisfeitos com o trabalho remoto, atribuindo notas de 01 a 4, enquanto 4,7% ficaram neutros com nota 5.

Sobre o ambiente de trabalho em casa, 68% dos servidores declararam que possuem um espaço privativo para realizar sua rotina de trabalho.
Somente em 32% dos casos não há este espaço exclusivo para o trabalho.

As respostas mostraram que 44,5% dos servidores tiveram que fazer algum tipo de investimento para se adequar ao trabalho remoto.

Já 32% dos servidores tiveram algum tipo de problemas físicos como dores nas costas ou algum outro desconforto. Já 30,1% dos servidores que responderam a pesquisa relataram algum tipo de problemas de ordem emocional, como ansiedade.

No âmbito do trabalho remoto pós pandemia 70,3% dos servidores gostariam de continuar em trabalho remoto. Se considerarmos ainda que 10,5% dos servidores já fazem parte do teletrabalho e não demonstram interesse em interromper, esse percentual aumenta para 80,8%. Somente 9,4% não tem interesse no trabalho remoto e 9,8% não têm opinião formada sobre o assunto.

Frisamos que os dados acima são uma pequena mostra da pesquisa realizada pelo SIMPE com servidores e servidoras do MPSC. O questionário ficou à disposição para respostas entre os dias 21 e 30 de julho.

Os resultados com todas as análises serão divulgadas em breve, uma vez que a pesquisa é longa e complexa e que não temos servidores(as) que possam se dedicar exclusivamente às atividades sindicais.

WhatsApp ATENDIMENTO WhatsApp !